sábado , outubro 19 2019
Início / Opinião / A culpa foi do VAR?

A culpa foi do VAR?

No último sábado, 29, o Ceará foi derrotado por 1 a 0 pelo Internacional, em Porto Alegre, pelo Campeonato Brasileiro. Com o revés, o Vovô estacionou na 13ª colocação do certame nacional com 14 pontos. São doze jogos seno quatro vitórias, dois empates e seis derrotas.

Após um primeiro tempo apático, principalmente do setor de criação com Felipe ‘Baxola’ e por vezes Ricardinho, o Vovô não impôs tantas dificuldades aos reservas do Colorado. Na segunda etapa, o Alvinegro teve posse de bola, mas não criou tantas oportunidades para sair com um melhor resultado do Sul do país.

Após a vitória contra o até então invicto Palmeiras na última rodada, a expectativa era de que o Ceará engrenasse na competição. A pergunta era a seguinte: a torcida alvinegra poderia sonhar mais alto? A resposta é sim, mas são derrotas como essa, contra os reservas do Internacional, em que poderia ter saído com um melhor resultado, que impossibilita o clube de pular um degrau no futebol.

Apesar do revés e do futebol abaixo do esperado, a derrota era um quadro esperado independente da escalação. O desempenho, as mudanças do técnico e o nível técnico de alguns jogadores é que deixam o torcedor com uma pulga atrás da orelha.

O lance do meia Wescley na reta final do embate é interpretativo, mas pela velocidade em que aconteceu e pelo posicionamento do árbitro, a VAR deveria ter chamado para uma análise minuciosa no vídeo. Se fosse ao contrário, a discussão seria outra, mas bola para frente.

Se o Ceará vencer o Clássico-Rei sairá fortalecido para os próximos confrontos. Após duelar contra o Fortaleza, o Vovô encara a Chapecoense (casa), o São Paulo (fora) e o Flamengo (casa) ainda no mês de Agosto.

Veja isso

As convicções de Enderson Moreira

Seis rodadas. Esse é o tempo exato em que o torcedor do Ceará espera por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *