segunda-feira , junho 17 2019
Início / Entrevistas / “Quem me conhece sabe o sonho que eu tinha de vestir a camisa desse clube numa série A”, afirmou Romário após a partida contra o Bahia
Foto: Christian Alekson/Cearasc.com

“Quem me conhece sabe o sonho que eu tinha de vestir a camisa desse clube numa série A”, afirmou Romário após a partida contra o Bahia

Após a partida contra o Bahia, o atleta falou sobre a felicidade de estar de volta ao Vovô.

“Confesso que dessa vez não foi difícil, porque desta vez eu fui profissional. Não digo que o sucesso subiu à cabeça, mas eu não estava preparado naquele momento”, disse o jogador se referindo ao período que se tornou jogador profissional e iniciou sua caminhada pelo alvinegro, em 2012.

Romário nunca escondeu o seu desejo de ser aproveitado na Série A. O jogador, inclusive, falou sobre a oportunidade:

“Quem me conhece sabe o sonho que eu tinha de vestir a camisa desse clube numa série A. Sei que o ritmo dificulta um pouco, mas a parada vai ser muito importante pra mim. O grupo vai ter 10 dias de descanso, mas eu já avisei que não vou parar. Quero estar no mesmo nível dos outros e
buscar a minha vaga.”

O atacante entrou na segunda etapa da partida contra o Bahia e, apesar de sentir o ritmo de jogo, teve boa participação e foi elogiado pelo comandante.


Kalyne Lima/cearasc.com

Entrevistado em seguida, o técnico Enderson Moreira: “Acima de tudo é menino de caráter, sabe muito bem o desafio que é ficar tanto tempo parara. O que eu falei com ele é que queria fazer tudo de uma vez. Calma, cara. Faz uma coisa de cada vez.  Viva cada minuto da forma mais tranquila. Não tente compensar cada momento que você ficou parado”, disse.

Buscando recuperar a forma física, Romário esteve em campo na partida contra o Bahia, pelo Brasileirão de Aspirantes, torneio que o vozão disputa com a equipe sub-23. Pelo regulamento da competição, até três atletas acima dos 23 anos podem disputar as partidas.

Antes da parada para a Copa América, o Ceará tem mais uma partida contra o Vasco, no Rio de Janeiro. Fica a expectativa de mais oportunidades para o atacante.

Veja isso

Ceará x Bahia: quando a camisa pouco importou

Em 2002, vestindo a camisa do Bahia, Sérgio Alves foi aclamado no PV A consagração …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *