quarta-feira , outubro 17 2018
Início / Competições / “Ele foi fundamental. Pela postura, atitude e cobrança que tem com o grupo”, diz Richardson sobre a importância de Lisca para o atual momento do Ceará
Foto: Reprodução/Internet

“Ele foi fundamental. Pela postura, atitude e cobrança que tem com o grupo”, diz Richardson sobre a importância de Lisca para o atual momento do Ceará

Richardson vive sua terceira temporada no Ceará. Com 134 jogos pelo clube, o volante foi destaque na campanha que recolocou o Vozão na Série A. Agora, vive o sonho de jogar a primeira divisão. Dos três anos pelo clube, 2018 foi o mais esperado.

“Com certeza, é a temporada que a gente tinha mais expectativa para que chegasse logo. Mas o início não foi do jeito que a gente gostaria tanto. A gente está tendo que recuperar muito agora para sair de uma zona incômoda, mas confiamos que vamos conseguir esse objetivo”, disse, durante coletiva em Porangabussu.

O Ceará vive um momento de renascimento no Campeonato Brasileiro, ocupando a 17ª posição na tabela, o time sonha em sair da zona da degola. Desde a parada para a Copa do Mundo, entretanto, o time mostrou uma melhora significativa. O Alvinegro está há quatro jogos invicto. O jogador revela o que mudou.

“A postura mudou. O time, tanto com a bola, quanto sem a bola, tem muita intensidade. E, claro, tem o dedo do professor Lisca, que chegou e acredita muito em cada um que aqui está”, analisou.

Richardson tem 7 gols com a camisa alvinegra. (Foto: Mauro Jefferson / Cearasc.com)

O volante destaca ainda a importância do técnico Lisca. Sempre muito vibrante, o treinador conseguiu recuperar os ânimos dos atletas para fazer o grupo acreditar que uma recuperação é possível.

“Ele foi fundamental. Pela postura, atitude e cobrança que tem com o grupo. Ele passa muita confiança para a gente. Nesse segundo turno, a gente espera fazer um início muito melhor do que no primeiro para que, no final, consiga nosso objetivo”.

Richardson não quer saber na possibilidade de haver um clássico cearense na próxima temporada na Sério A (O Fortaleza lidera a Série B, o Ceará luta para ficar na A). O objetivo é manter o Vozão. O que vier em consequência fica para depois.

“Nesse momento que a gente vive, a gente não está preocupado com rival. Queremos fazer nosso papel na temporada e aí depois, quando chegar o fim dela, a gente vai ver o que vai reservar para o ano que vem”.

O Ceará volta a campo no próximo domingo, 23, às 11h, diante do Grêmio, em sua arena.

Veja isso

PortalCast #09 – Faltou poder de decisão

Fala Nação Alvinegra, esse é o nosso PortalCast, um podcast totalmente voltado para a torcida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *