segunda-feira , dezembro 17 2018
Início / Jogos Marcantes / Confrontos decisivos marcam a história de Ceará x Grêmio

Confrontos decisivos marcam a história de Ceará x Grêmio

Ceará e Grêmio entram em campo no próximo domingo (23), às 11h00, em Porto Alegre, pela Série A. No histórico, o alvinegro cearense e o tricolor gaúcho fazem um confronto equilibrado, com 4 vitórias para cada lado e 5 empates. A última vez que se enfrentaram na capital gaúcha foi em 2011, o Vovô venceu por 3 a 1 no Estádio Olímpico, válido pelo Campeonato Brasileiro Série A. Nos últimos anos, as equipes se enfrentaram cinco vezes em jogos da Série A (em 2010, 2011 e 2018) e uma vez pela Primeira Liga, ano passado.

No primeiro turno, na Arena Castelão, em erro de marcação de Juninho, o Ceará foi derrotado por 1 a 0. O gol da partida foi anotado por Thonny Anderson.

Na última vez que enfrentou o Grêmio, no Rio Grande do Sul, o Ceará precisava da vitória para se manter vivo na briga contra o rebaixamento para a Série B e, naquele jogo, o time comandado por Dimas Filgueiras contou com uma atuação inspirada de Felipe Azevedo, autor dos três gols alvinegros. O Vovô abriu o placar aos 28 minutos do primeiro tempo, sofreu o empate aos 37, mas logo no início do segundo tempo fez 2 a 1 e ampliou aos 12 da mesma etapa.

Para aquela partida, o Ceará foi escalado com Fernando Henrique; Heleno, Thiago Matias, Daniel Marques e Eusébio; João Marcos, Juca, Michel e Thiago Humberto; Osvaldo e Felipe Azevedo. O Grêmio, por sua vez, foi a campo com a seguinte escalação: Victor; Mário Fernandes, Rafael Marques, Saimon e Júlio César; Fernando, Adilson, Douglas, Marquinhos e Leandro; André Lima.

Se por um lado o Ceará saiu vitorioso no último confronto, por outro, na partida mais importante entre as duas equipes quem saiu como vencedor foi o Grêmio. O ano era 1994 e as duas equipes decidiram a Copa do Brasil em jogos de ida e volta. O primeiro, realizado no Estádio Castelão, um empate sem gols e a resolução ficou para o Estádio Olímpico, onde o tricolor gaúcho venceu por 1 a 0 e ficou com o título do torneio. O erro grotesco do árbitro, o famoso Godói, tirou o título do alvinegro.

Para aquela partida, o Ceará foi escalado com Chico; Ronaldo, Aírton, Vitor Hugo e Claudemésio; Mastrillo, Ivanildo e Elói; Catatau, Jerônimo e Sérgio Alves. O Grêmio, por sua vez, foi a campo com a seguinte escalação: Danrlei; Ayupe, Paulão, Agnaldo e Roger; Pingo, Jamir, Émerson e Carlos Miguel; Fabinho e Nildo.

Outra partida que marca o confronto entre as duas equipes é o duelo de 2010, pela elite do Brasileirão. O Ceará vinha de uma sequência negativa, mas ainda figurava na parte de cima da  tabela. Com aquela vitória, o Vovô terminou a rodada no G-4. O duelo marcava a estreia do técnico  Mário Sérgio. Com um esquema totalmente diferente, o treinador tentou e sem dar espaço ao Grêmio, o Ceará se manteve no ataque e acabou sendo premiado aos 44 minutos. Geraldo completou jogada de Magno Alves e garantiu a sexta vitória naquela oportunidade. O choro do camisa 10 foi de desabafo.

Veja isso

Heróis da permanência #06 – Luiz Otávio, a eficiência necessária

Sem ter vida fácil em nenhum jogo, o zagueiro mostrou a importância de ser eficiente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *